Reboots, reboots e mais reboots. A qualquer momento ligar a TV ou acessar séries online vai parecer uma viagem no tempo. As razões para isto podem ser as seguintes:

1. Crise criativa entre os roteiristas, que não conseguem criar algo realmente novo;
2. Medo entre os investidores. Talvez temam investir em novas séries e perder o valor aplicado, decidindo-se a favor de material já testado e comprovado;
3. As duas razões anteriores;

E já estamos vendo atualmente alguns sinais da nova tendência, temos no ar alguns reboots e derivados (que são tratados como reboots), e podemos citar: MacGyver (mais conhecido por aqui como “Profissão: Perígo”), Hawai 5-0; Lethal Weapon (Máquina Mortífera), Arquivo X, Gossip Girls e outras…

Mas vem mais por aí e selecionamos algumas. Com certeza há milhares de fãs por aí que vão adorar:

MAGNUM PI

Sim, a CBS já deu ordens para a produção de um novo piloto para a série. Como escritor foram escolhidos Peter Lenkov e Eric Guggenheim (ambos de “Hawai 5-0”), também foi dada orientação no sentido de que as histórias girem em torno dos quatro personagens principais do original.

Como vivemos em ‘tempos diferentes’, o bom e velho Higgins (John Hillerman, na série original) muda de sexo: será uma personagem feminina. A nova Juliet Higgins é uma ex-agente do MI-6, que desapontada com o departamento passa para o setor privado…

Tom Selleck obviamente não repetirá seu papel, mas não é impossível que possa aparecer em algum episódio como ‘homenagem’ ou como um crossover de sua série atual ‘Blue Bloods’ do mesmo canal…

Só como curiosidade já houve uma tentativa de retorno da série em 2016, pelo canal ABC, que seria produzido por Eva Langoria e John Rogers, mas não foi adiante…

CHARMED (Encantadas)

Desta vez, a ordem para a produção de um novo piloto que reiniciaria a série envolvendo o ‘poder das três’, partiu da CW.

O desenvolvimento da reinicialização de “Charmed” começou no final de 2016 e início de 2017, e originalmente seria um ‘prequel’ que se passaria na década de 70. Bem, isto significaria que pegaríamos as três irmãos ainda no colégio, com todos aqueles dramas adolescentes e com a descoberta dos poderes, ou seja, a ‘cara’ da CW!

Mas esta ideia foi abandonada (a de ser um prequel, o colégio ainda existe a possibilidade. Público adolescente, entendeu?), a nova versão do piloto se passa no tempo presente. A série é baseada numa história escrita por Jennie Urman (criadora de “Jane, The virgin”). Os roteiros estarão a cargo de Jessica O’Tolle e Amy Rardin, também de “Jane, The virgin”.

A série original teve oito temporadas na TV, e continuou em forma de quadrinhos, que produziu duas ‘temporadas’ a mais.

Para se mostrar ‘conectada’ com os acontecimentos atuais, a série está sendo divulgada como ‘feminista’ seja lá o que isto queira dizer….

Curiosidade: na foto estão quatro mulheres, mas a série envolve apenas três. O que aconteceu é que Shannen Doherty (a segunda da direita para a esquerda) foi convidada a ‘se retirar’  da série por problemas de ‘estrelismo’. Ela já havia sido expulsa antes da série “Barrados no Baile” pelo mesmo motivo…

THE GREATEST AMERICAN HERO (Super-herói Americano)

Bem, CBS e CW já estão com seus reboots preparados, o que dizer do canal ABC?

O ABC não podia ficar para trás e por isto foi buscar lá na década de 80 inspiração para seu reboot, e encontrou numa série que teve apenas duas temporadas, mas que praticamente virou um ‘cult’: The Greatest American Hero, que no Brasil foi exibido pelo SBT como “Super-Heroi Americano”.

Na série original um professor chamado Ralph Hinkley (Will Katt), durante uma viagem escolar, encontra alienígenas que lhe dão um uniforme que lhe concederia habilidades sobre humanas. Infelizmente, Ralph (sempre atrapalhado) perde o manual de instruções, o que o obrigado a conhecer seus poderes sozinho e geralmente por acidente.

Mas, é preciso atualizar a série certo? Por isto desta vez o personagem muda para A personagem. Agora é uma mulher de 30 anos, chamada Meera e que ama tequila e karaokê quem recebe o uniforme. Ousando um pouco mais, a personagem é indiana-americana…

ANIMANIACS

Atenção fãs dos loucos personagens (eu incluído): a Hulu, Amblin Television e Warner Bros fizeram um acordo para produzir uma nova versão da icônica franquia de desenhos animados Animaniacs.

A princípio serão duas temporadas, a má notícia é que somente serão exibidas em…2020! Spielberg retorna como produtor executivo.

Então em ‘breve’ teremos novas aventuras (ou seria loucuras?) dos irmãos Yakko, Wakko e Dot. E para não ficarmos com saudades, com eles estarão ‘Pinky e o Cérebro”…..

Não fiquem achando que são somente estes quatro shows que terão reboots, outros virão, e não só na TV. Já se fala em “Bad Boys” (que também teria um spinoff em forma de série na TV); “O Exterminador” que teria uma espécie de reboot nas mãos de James Cameron, anunciando inclusive que o próximo filme ignoraria tudo depois do segundo filme (!) ; “Tomb Raider”; “Scarface”, “O Corvo”, “Intocáveis” (o filme francês sobre a amizade entre um cadeirante e seu cuidador. Filmaço!!) e sabe-se lá mais quantos….